Sydney – Austrália (Parte 2)

Essa é a segunda parte sobre Sydney, se você ainda não viu a primeira, clique aqui.

Royal Botanical Gardens

Royal Botanical Gardens

O jardim botânico da cidade é uma área de 30 hectares, próximo da Opera House. Acontecem vários eventos recreativos no local que foi inaugurado em 1816, sendo uma das instituições botânicas mais importantes do mundo. O melhor jeito para conhecer o parque é vindo pela costa a partir da Opera House, até a Mrs. Macquarie’s Chair, uma rocha de arenito em formato de banco, nesse ponto você vai ter uma das melhores vistas da Opera House com a Harbour Bridge ao fundo.  O Jardim Botânico é dividido em quatro grandes áreas: Lower Gardens, Middle Gardens, Palace Gardens, Bennelong.

Botanical Gardens

Gallery Art of New South Wales

A mais importante galeria de arte da cidade e uma das melhores da Oceania. A galeria foi criada em 1874, com intuito de disseminar a arte na Austrália, mas seu acervo conta com obras de europeus e asiáticos além dos próprios australianos.

Hyde Park

Hyde Park

O Hyde Park fica no coração da cidade, tem 16 hectares e levou mais de um século para ser construído, entre 1810 e 1927. O parque tem mais de 500 árvores e é muito bem cuidado. O parque tem várias atrações e entre elas a maior provavelmente seja St Mary’s Cathedral construída entre os anos 1866 e 1928. A igreja tem grandes vitrais e seu prédio é cruciforme como a maioria das igrejas de origem inglesa.

St Mary’s Cathedral

Sydney Tower Eye

O edifício mais alto da cidade com 309 metros, foi construído em 1981 originalmente com 279 metros, antes de ganhar uma antena. A partir de 2010 a torre foi anexada a um shopping center. Atualmente são 4 andares da torre abertos ao público, sendo 3 apenas com restaurantes.

Sydney Eye

Darling Harbour 

O Darling Harbour é um porto que se tornou um grande calçadão para entretenimento. Hoje a região conta com atrações como Sydney Zoo, Madame Tussauds, Sydney Aquarium. Outra grande atração ao ar livre é a Parmont Bridge, uma ponte de 369 metros, construída em 1902, mas que hoje só permite a passagem de pedestres e ciclistas. Atravessar a ponte te dará vistas únicas do Darling Harbour e de Sydney.

Darling Harbour

Australian National Maritime Museum

Também fazendo parte do Darling Harbour, esse museu foi inaugurado em 1991 e conta a grande história que a Austrália tem com as atividades marítimas. São sete galerias, além de 3 navios-museu e outras embarcações menores. O museu ainda conta com cinema 3D e passeios de barco.

Sydney Fish Market

O maior Mercado de Peixe do hemisfério sul também é o terceiro maior do mundo. Criado em 1945, atualmente o mercado conta com porto de pesca, mercado de peixe, mercado de frutos do mar, mercado de vegetais, floricultura, padaria, mercado de carnes, além da melhor atração que é o pavilhão com restaurantes.

Bondi Icebergs

Bondi Beach

A praia mais famosa de Sydney fica um pouco afastada do centro mas nada que o transporte público não resolva. A praia tem ondas perfeitas para o surf, mas também é frequentada por banhistas. Bondi é famosa pela sua piscina olímpica que é banhada pelas ondas do seu mar revolto.

De Bondi para Coogee, existe uma bela caminhada de 5-6 quilômetros pela costa, que é altamente recomendada para quem vai conhecer o local. O percurso não dura mais que umas duas horas que passam facilmente despercebidas por conta da paisagem da caminhada.

Bondi Beach

Sydney simplesmente não tem como ficar fora do seu roteiro na Austrália, as atrações são inúmeras e a cidade acolhe muito bem os turistas. O problema de Sydney não é decidir se você vai visitar a cidade e sim quantos dias você vai ficar lá. Menos que três seria injusto, idealmente 4-6 dias dependendo das atrações que você quer visitar fora do centro da cidade. 

Verdades:

            – O fuso horário para a Sydney não é pouco, 14 horas à frente do horário de Brasília.

            – Não saia da cidade sem conhecer a Opera House.

            – A melhor vista da Opera House e da Harbour Bridge é na Macquarie’s Chair.

            – Sydney tem mais história que muita cidade com o dobro da sua idade.

            – Darling Harbour é bem diferente de Sydney’s Harbour.

            – Fish Market de Sydney é um dos melhores do mundo, não deixe de conhecer.

            – Conheça pelo menos uma praia, não esqueça que as opções são inúmeras.

Extras:

  • Se você quiser muito nadar na piscina de Bondi, é possível pagando uma tarifa no Bondi Icebergs, mas se quiser apenas chegar mais perto entre e consuma algo no restaurante.
  • Para mais posts sobre a Austrália, clique aqui.

Um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.