Amã – Jordânia

Amã é a capital do Reino da Jordânia e também a sua maior cidade com 4 milhões de habitantes. Amã é uma das mais antigas cidades ainda habitadas no mundo, além de ser uma das melhores cidades para se morar no conturbado oriente médio.

A cidade é habitada desde 8500 anos a.C., com melhores relatos desde o século XIII a.C. Ganhou o nome de Amã no século III d.C. após ter sido chamada pelos nomes de Amon-Rebate e Filadélfia. A cidade quase desapareceu do mapa após terremotos e um grande ataque em 1887, sendo reinserida como na rotas mais importantes após receber uma estação de trem entre Damasco e Medina. 

No século XX, a Jordânia foi alvo de inúmeros ataques e rebeliões de grupos atuantes no Oriente Médio. Porém na ultima décadas a Jordânia é um dos países com a maior estabilidade na região, atraindo no turismo uma importante fonte econômica, com atrações como Petra e o Mar Morto.

A capital da Jordânia fica no noroeste do pais em uma região com 19 colinas com uma elevação em média de 1000 metros acima do nível do mar. Sendo assim, já se prepare para muito sobe e desce quando for explorar a cidade. Amã tem um verão rigoroso com as temperaturas chegando na casa dos 30° C e quase não chove, o inverno é mais chuvoso, podendo essa chuva até mesmo congelar já que é comum a temperatura baixar até 0°.

Se quiser visitar os pontos turísticos, escolha ficar na região central, é onde fica a cidade histórica e a maioria das atrações. Se preferir uma região mais moderna, escolha Amã Ocidental. A cidade tem se modernizado cada vez mais, mas mesmo com novos arranha-céus surgindo, a parte antiga ainda é preservada. Vamos às principais atrações:

Templo de Hercules

A Cidadela

A Cidadela é a principal atração de Amã, fica na colina mais alta da cidade, onde os romanos construíram templos e palácios. Hoje, é claro, só restaram as ruínas, mas vale a pena ver os resquícios do templo de Hércules (século I d.C.) e um pedaço da sua estatua que teria 23 metros. Ainda na Cidadela não deixe de ver o Palácio Umayyad, que foi quase totalmente reconstruído e o Museu Arqueológico Nacional, que pela rica história do país, poderia ser bem melhor.

Teatro Romano

A principal atração coadjuvante à Cidadela é o Teatro Romano. Foi construído no século II, com capacidade para 6000 pessoas, todas elas com uma excelente vista do palco principal. Na frente do Teatro fica o Forum Romano, uma imensa praça com o que restou das suas Colunatas e acima do Teatro fica o Nymphaeum, onde ficavam os jardins com chafariz. Como quase tudo construído pelos romanos, vale muito a visita. Para quem gosta de Museu, anexados ao Teatro estão o Museu Jordaniano de Tradições Populares e o Museu do Folclore de Amã. 

Museu da Jordânia

O melhor museu da cidade. É dividido em três partes, sendo a Galeria Antropológica, a mais importante. Outra galeria mostra o estilo de vida na Jordânia, desde beduíno até o urbano, e a terceira galeria conta a história recente do país.

Mesquita Rei Abdullah

Construída na década de 80, com estilo islâmico contemporâneo, a mesquita se destaca pelo seu grande domo azul, que contrasta com o branco da maior parte da cidade. Para entrar siga todos os protocolos de vestimenta, como cobrir ombros e joelhos, além disso as mulheres devem cobrir o cabelo.

Existem outras atrações menores como o centro de Amã, conhecido como Al Balad e a Rainbow Street. Dedique-se a eles apenas se você tiver tempo e quiser mergulhar um pouco mais na cidade, senão um dia para conhecer as outras atrações pode ser o suficiente, principalmente se seu dia não ficar limitado pelos extremos de temperatura. Amã de fato não é a principal atração turística da Jordânia, mas como invariavelmente você terá que chegar no país pelo aeroporto da cidade, vale a pena dar uma chance, ou um dia, para ela.

Verdades:

            – A Jordânia é hoje um dos países mais seguros do Oriente Médio, apesar de não ser moderna como EAU ou Catar.

            – Combine o preço do Táxi antes de entrar em um. Árabes gostam de negociar.

            – Andando pela ruelas subindo ou descendo da cidadela você vai se sentir no meio do nada em um filme de Guerra Hollywoodiano, mas fique tranquilo que é só impressão.

            – Amã pode não tantas atrações como Dubai ou Jerusalém mas é inquestionavelmente mais tranquila que o Cairo.

            – Os nativos ainda estão se acostumando com turistas, respeite os limites deles e não terá problemas.

Extras:

– Duas das melhores atrações fora de Amã mas dentro da Jordânia são o Mar Morto e Petra.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.