Sydney Opera House – Australia

Sydney é a cidade mais populosa da Austrála, apesar de não ser a capital do país, com certeza é a sua cidade mais conhecida mundialmente. Fica no Estado da Nova Gales do Sul (Capital do Estado), no sudeste australiano. Sydney está entre as Blue Montains (a oeste) e o Mar da Tasmânia (a leste).

Sydney Opera House and Sydney Harbour Bridge

A Sydney Opera House, ou casa da Ópera de Sydney, é o maior símbolo da cidade e do país, sendo considerada a Estátua da Liberdade ou Torre Eiffel Australiana. Fica localizado no centro da Baía de Sydney próximo ao centro da cidade e da Ponte da Baía de Sydney.

Vista vindo do Royal Botanical Gardens

A história da casa da Ópera começou em 1955, com um concurso internacional para escolha do melhor projeto. O dinamarquês Jorn Utzon superou 233 outros projetos com seu desenho inspirado em conchas. A construção propriamente dita iniciou em 1959 e foi dividida em 3 estágios. 

Vista frontal da Sydney Opera House

O primeiro foi a plataforma, que demorou quatro anos para ser terminada, inclusive tendo que ser reconstruída durante esses anos pois senão não suportaria o peso do teto que viria na próxima etapa. A segunda parte, entre 1963 e 1967, foi o teto. As conchas ainda não tinham uma forma bem definida no projeto e o custo para fazer a estrutura ficou muito alto, a solução foi encontrada construindo as conchas como se fossem partes de uma esfera com curvatura, ou seja, com curvatura única. 

Conchas de Utzon

A terceira parte, que durou até a inauguração, foi a construção dos interiores dos teatros. Depois de muitas críticas após a mudança do governo australiano e vendo que sua masterpieceia ser multilada, Utzon deixou a obra. A inauguração foi feita pela Rainha Elizabeth II em 20 de outubro de 1973. Jorn Utzon não foi nem citado no momento da inauguração da Opera House, o arquiteto nunca teve a oportunidade de ver sua obra completa com seus próprios olhos.

Na ponta da plataforma

No fim dos anos 90 aconteceu a reconciliação de Utzon com a mantenedora da Opera House. Utzon ajudou a distância na reforma da casa, e escreveu um livro com todos os seus conceitos para ser usado em posteriores reformas. Em 2004 uma sala com capacidade para 200 pessoas e vista para a Baía de Sydney foi reinaugura em homenagem ao arquiteto, a Utzon Room.  Jorn Utzon faleceu em 2008, mas teve a honra de saber que em 2007 sua obra virou Patrimônio Mundial pela UNESCO.

Quase entrando nas conchas

A Opera House abriga duas grandes salas e outras menores:

  • Concert Hall:é o grande auditório, com 2679 assentos, é a casa da Orquestra Sinfônica de Sydney e abriga o maior órgão mecânico do mundo.
  • Joan Sutherland Theatre:com 1507 assentos, é o segundo na linha dos teatros da casa. Nele se apresentam a Opera de Sydney e o Ballet Australiano.
  • Drama Theater:sala com 544 lugares, usada pela Companhia de Teatro de Sydney e apresentações de dança.
  • Playhouse:palco simples com 398 lugares.
  • Studio:espaço multiuso com 298 assentos permanentes mas com capacidade apra até 400 pessoas.
  • Utzon Room:pequena sala para 200 pessoas.
  • Recording Studio:como o próprio nome diz.
  • Outdoor Forecourt: é o espaço ao ar livre em frente a Opera House, podendo ser usado em diferentes configurações inclusive com pessoas sentadas nas escadarias.
Saguão do Concert Hall

Para visitar a Sydney Opera House você tem algumas opções, o mais famoso é o Sydney Opera House Tour. Foi esse que nós fizemos e vale muito a pena. Conhecer as salas por dentro, tivemos a sorte e o azar de assistir a ensaios dos shows que teriam a noite, porém tirar fotos das salas é proibido no momento de ensaio. Os guias vão contando as histórias e curiosidades durante todo o trajeto. Se prepare para subir e descer uns 300 degraus já que não existem elevadores de uma sala para outra.

Olhando pra cima você vê toda a baía refletida

Existem tours em outras línguas, como espanhol, francês, mandarin, alemão, entre outras, esses são iguais o tour em inglês. Existem também o Backstage tour que te leva aos bastidores dos espetáculos, porém é bem mais caro e restrito. Além desses ainda existem tours focados nas crianças e tours combinados com almoços nos Restaurantes da Opera.

Belo lugar para almoçar

Restaurantes da Opera House:

  • Opera Bar:o mais informal de todos, é possível fazer pequenos lanches ou tomar uma taça de vinho. A vista não deixa a desejar.
  • Opera Kitchen:o polivalente, com inúmeras opções de café, almoço e janta.
  • Portside Sydney:bom jantar com vista panorâmica da cidade.
  • Bennelong:um dos melhores restaurantes da cidade, alta gastronomia, atende somente com reservas.
Vista noturna da Opera House

Não é nem preciso falar sobre a obrigatoriedade da visita à Opera House. O Tour não nem custa 50 dólares australianos e  vale muito à pena. A obra é espetacular, você poderia ficar horas apreciando e na verdade vai ficar. Mesmo após o término do tour você vai ficar observando as conchas durante todo o seu passeio pela costa.

Vista noturna da Harbour Bridge a partir da Opera House

Verdades:

  • A estrutura é sustentada por 588 pilares com fundação de 25 metros e as conchas são cobertas por mais de um milhão de azulejos holandeses, que são auto-limpantes. 
  • Jorn Utzon foi extremamente injustiçado pelo governo australiano incluindo a Rainha, uma dívida que nunca terá sido suficientemente paga.
  • As pessoas tocam o que não podem e fotografam o que não devem durante o tour.
  • Sydney Opera House não parece uma construção planejada na década de 50.
Sydney Opera House

Extras:

  • Uma das melhores atrações gratuitas de Sydney é o Badu Gili. Badu Gili é um pequeno filme (7 minutos) projetado diariamente na concha menor da Opera House (Bennelong Sail), que conta histórias dos povos antigos que habitaram aquele mesmo local onde está a Opera House. A projeção acontece no pôr-do-sol e depois a cada meia hora, dependendo da época do ano. 
Badu Gili

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.