Santiago – Chile

Santiago tem mais de 5 milhões de habitantes e se tornou uma das principais cidades da América Latina, tanto economicamente e em desenvolvimento quanto pela parte turística. É possível visitar Santiago o ano todo, se quiser esquiar escolha entre junho e setembro, nos outros meses não tem neve nas estações de esqui. Já no verão de dezembro e janeiro é a melhor época para visitar as vinícolas.

Palácio La Moneda

Você deve reservar no mínimo 3 a 4 dias para visitar Santiago, com pelo menos 1-2 dias para visitar a cidade e os outros dias para escolher passeios próximos como vinícolas, ir até o litoral ou ir até as montanhas. Para conhecer tudo uns 5-6 dias são necessários. Vejamos os principais pontos da cidade.

Galeria em La Moneda

Palácio de La Moneda

Sede do Governo do Chile, tem uma importância histórica enorme foi lá que Augusto Pinochet deu o golpe militar em 1973. É possível visitar o Palácio com tours guiados pré-agendados, ou ver a troca da guarda gratuitamente todo dia as 10 horas da manhã. 

Funicular

Cerro San Cristóbal

Nessa montanha dentro do Parque Metropolitano fica a melhor vista panorâmica de Santiago. É possível subir andando ou mesmo de carro, porém a melhor parte é subir de funicular ou teleférico. No morro fica o zoológico da cidade, além do jardim botânico e no alto uma capela e a imagem da Imaculada Conceição (padroeira da cidade). 

Museu de Arte Contemporânea

Museu de Arte Contemporânea

Esse museu na verdade é dividido em dois: o Palácio de Belas Artes que foi fundado em 1910 e o Parthenon ou Palácio de Versalhes, que foi construído em 1920. O acervo possui mais de 2800 peças, divididas nas duas sedes, além de diversas exposições temporárias.

Museu de Arte Pré-Colombiana

Museu Chileno de Arte Pré-Colombiana

Fundado em 1981, esse museu para nós é o mais bacana da cidade. Primeiro porque depois de frequentar tantos museus, quanto aparece um museu especializado em algo que você nunca viu a curiosidade fica muito maior. Segundo porque além de ser diferente, o acervo é magnífico e faz uma viagem por toda a América antes do descobrimento.

Museu de arte Pré-Colombiana

Sky Costanera

Observatório mais alto da América Latina, fica no 61° andar (300 metros de altura) e oferta uma vista 360° de Santiago. Em dias ensolarados e sem poluição é possível ter uma bela vista da Cordilheira dos Andes. O Sky Costanera fica no Costanera Center, que é o maior centro comercial e empresarial da América Latina.

Catedral Metropolitana de Santiago

A construção data do século 16, e já passou por diversas reformas até chegar no resultado neoclássico atual. Fica em Plaza de Armas, aberta durante o dia todo de segunda a sábado e nas manhãs de domingo. 

Catedral de Santiago

Mercado Central

Parada obrigatória para se conhecer a cultura da cidade, muitas lojas e restaurantes enchem o lugar de vida. A especialidade local são os frutos do mar, o mercado fica aberto das 9:00 as 17:00 durante a semana e das 7:00 as 15:30 nos finais de semana.

Mercado Central

Cerro Santa Lucía

Santiago foi fundada nesse pequeno morro. Pequeno para quem não sobe, se você for enfrentar as escadarias desse oásis no meio da loucura urbana de Santiago é bom estar com o preparo físico em dia, pois aqui não tem funicular. A vista vale a pena o esforço.

Cerro Santa Lucía

La Chascona

Essa é uma das três casas de Pablo Neruda no Chile. Mesmo que você não goste do escritor o passeio por sua casa com um audio guide é bem interessante, com inúmeros objetos trazidos mundo afora por Neruda.

Pátio Bellavista

Patio Bellavista

Local ideal para quem gosta de vida noturna, mas ótimo passeio mesmo para os que não gostam. Vários restaurantes e bares se juntaram e formaram esse ambiente bem aconchegante, apesar de aberto, no meio da região universitária de Santiago. Vale a pena um happy hour.

Santiago é uma das grandes cidades da América do Sul onde você vai se sentir mais seguro, isso é um dos principais fatores pro sucesso turístico da cidade. Juntando a segurança com as inúmeras atrações dentro e fora da cidade, Santiago consegue te surpreender da melhor forma. Considere uma visita já no próximo feriado prolongado.

Cordilheira dos Andes atrás da poluição

Verdades:

  • A poluição em Santiago é uma triste realidade como em todas grandes metrópoles do mundo, em dias com maior nível de poluição uma cortina de fumaça prejudica muito sua vista para os Andes.
  • Cuidados com os táxis, como em muitos lugares, em Santiago eles tem fama de cobrarem mais caro de turistas. Aplicativos ainda não são regularizados, mas funcionam normalmente.
  • Os preços no Mercado Central são abusivos para turistas, principalmente nos restaurantes.

Extras:

  • As melhores cotações de cambio ficam nas casas de cambio da rua Augustinas. 
  • Se o seu negócio é esquiar, bem próximo de Santiago fica a estação de esqui Cerro Nevado, em meses sem neve é possível visitar a montanha porém o passeio fica bem sem graça.
  • Vinícolas não faltam no Chile, para os amantes de vinhos é impossível não ao menos em uma, ainda postaremos a nossa experiência em na vinícola Concha y Toro.
  • Existem várias opções de vôos para Santiago, inclusive na low cost Sky Airline, podendo ajudar muito no seu orçamento.

Mais posts sobre o Chile clique aqui.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.