Ring of Kerry – Irlanda

O Ring of Kerry é uma das rotas mais cênicas do mundo, sendo formada por diferentes estradas que completam o anel de 175 quilômetros. A região de Kerry fica no sudoeste da Irlanda, tendo tradicionalmente como ponto de partida a cidade de Killarney. A rota pode ser feita de carro, bicicleta ou a pé, nós fizemos de carro em um dia, com dois dias você ganha mais tempo para apreciar os lugares.

Ovelhas da Irlanda

Killarney

Killarney é a maior cidade da região e serve de porta de entrada para o Anel de Kerry. Uma boa opção é chegar de avião e alugar um carro para conhecer a região. Essa pequena cidade tipicamente irlandesa é um ótimo lugar para tomar alguns pints de cerveja nos seus tradicionais pubs. Junto a cidade fica o Killarney National Park, com vários mirantes, cachoeiras e o Castelo Ross. Uma opção, para quem tem mais de um dia, é conhecer o parque em meio dia saindo e voltando da cidade.

Andando no Gap of Dunloe

Gap of Dunloe

Esse trecho tem 11 km e não é possível fazer de carro. Os locais procuram dificultar as passagens justamente para diminuir o fluxo de veículos e promover os passeios de charrete operado pelas famílias nativas. Dentro dos onze quilômetros estão 5 lagos, se quiser conhecer tudo vai ter que optar por alugar uma bicicleta ou o passeio de charrete. Nós andamos por cerca de 3-4 km e já foi possível ver bastante coisa legal, considerando que iriamos fazer tudo em um dia.

Cromane e Lago Caragh

Cromane é uma praia de pedras com água azul, nada que impressione muito, assim como o Lago Caragh. Se estiver atrasado ou só com um dia para fazer todo o roteiro, considere pular essas paradas.

Praias de Pedra na Irlanda

Gleinbeigh

Aqui os tons de azul do mar contrastando com as montanhas verdes da costa formam uma bela paisagem.

Leacanabuaile fort

Cahersiveen

Essa pequena cidade é um dos pontos altos do Ring of Kerry por abrigar o castelo Ballycarbery e os fortes Cahergall e Leacanabuaile. O fortes datam dos séculos 7 e 9 respectivamente, e foram construído para protegerem as terras adjacentes. É possível subir nos fortes e ver o empilhamento perfeito das suas pedras. Já o Castelo data de 1398, sendo a atual construção do século 16. O castelo no alto da colina é realmente cena de filme.

Ferry para Valentia Island

Valentia Island

A ilha de Valentia não fica propriamente no Anel de Kerry, mas é um lugar a ser considerar pela proximidade com a rota de Kerry e pelas suas belas paisagens. Nós entramos na ilha via ferry boat em Reenard Point e saímos pela única ponte que conecta a ilha de Valentia e a ilha da Irlanda, em Portmagee. Os maiores destaques da Ilha são os Fogher Cliffs e o Farol.

Valentia Island

Waterville

Essa é a famosa cidade onde Charles Chaplin passava suas férias. Não é à toa que existe um museu no hotel onde ele se hospedava e sua estátua em frente à praia. Com certeza não é um lugar feio, mas nada de tão imperdível, uma pacata cidade com uma praia de pedras. Talvez se não fosse por Chaplin essa cidade teria caído no esquecimento dos turistas.

Estátua em Waterville

Sneen

A estrada até Sneen tem vistas de tirar o fôlego. O mais complicado é arranjar um lugar para parar e tirar fotos. Como o dia já pode estar se despedindo, se você estiver fazendo o roteiro no sentido anti-horário o cenário pode ficar ainda mais legal.

Kenmare

Essa cidadezinha perto de Killarney é bastante simpática, principalmente por suas casinhas coloridas. Se tiver com tempo pare para um café  para comprar alguns souvenires. Já se estiver com pressa, não se preocupe, você encontra tudo o que precisar em Killarney.

Reenard Point

Para um roteiro de um dia é muito provável que você tenha que cortar algumas paradas. Para dois dias é bem tranquilo fazer tudo inclusive a Ilha de Valentia. No verão a maior vantagem, apesar do trânsito, é o tempo de luz solar. Nós fomos em julho e conseguimos fazer todas as paradas que gostaríamos, incluindo Valentia.

Vista do Farol em Valentia Island

É muito obvio que a Irlanda não é só Dublin, o Ring of Kerry é orgulho nacional quando se trata de belezas naturais. Realmente ir para a Irlanda e só ficar em Dublin é como ir para o Brasil e ficar somente em São Paulo, o país tem muito mais a oferecer do que sua maior cidade. 

Cahersiveen

A região de Kerry talvez seja o que a Irlanda tem de oferecer de melhor em experiência de viagem. Mas apesar da região ser muito bonita lembre-se que o tempo não é de colaborar muito. Chove muito no país e também tem muitos dias nublados, durante todo o ano. Não deixe a chuva estragar sua viagem e esteja com a sua jaqueta impermeável ao seu alcance.

Gap of Dunloe

Extras:

  • Durante a alta temporada (julho e agosto), o excesso de ônibus, vans e carros podem atrapalhar um pouco o seu roteiro. Evite o trânsito fazendo o Ring of Kerry no sentido anti-horário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.