Mont Saint-Michel – França

Mont Saint-Michel é mais um daqueles lugares imperdíveis que parece ter saído de um conto de fadas. Tudo começou no século VIII quando Aubert, bispo de Abranches, mandou construir no topo do monte Tombe um santuário em homenagem à São Miguel Arcanjo. Monges se instalaram no local formando uma pequena vila aos pés do santuário. Durante a Guerra dos Cem Anos entre França e Inglaterra Mont Saint Michel foi uma fortaleza impenetrável, durante a revolução francesa chegou a ser utilizado como prisão e desde 1979 virou patrimônio Mundial da Unesco.

Horizonte visto de Saint-Michel

O local fica na região da Normandia (noroeste da França), na foz do Rio Couesnon e é um dos principais pontos turísticos da França recebendo mais de 3 milhões de turistas anualmente. O que encanta tanta gente é o fato desta cidade medieval ficar isolada quando a maré esta alta. Isso ocorre porque a maré difere 14 metros entre alta e baixa. Mas fique tranquilo, atualmente foi construída nova passarela onde o acesso sempre é possível.

Saint-Michel foi usado na Guerra dos Cem Anos

Se você quiser ver o fenômeno da maré enchendo entre no site oficial e veja o horário, que pode mudar diariamente. As marés são influenciadas pelo calendário lunar, então fique atento que na lua cheia e nova  o volume de água costuma ser maior.

Maré baixa

O passeio pode ser facilmente realizado em apenas um período do dia, se você faz questão de ver a maré talvez você precise ficar por ali o dia inteiro. Um bate-e-volta saindo de Paris é viável  mas uma pernoite na região da Normandia é bem vindo e abre a possibilidade para você conhecer outras atrações da região. É possível dormir em Saint Michel, porém os hotéis dentro das muralhas são caros e sem muito conforto. Outra opção são hotéis no continente, mas quase nenhum oferece vista para a ilha. A melhor opção seria escolher um cidade um pouco maior por perto, a nossa escolha foi dormir em Caen pois no próximo dia conheceríamos as Praias do Dia D (contaremos em um futuro Post).

A cidade é completamente murada

O melhor jeito para conhecer a Normandia é alugando um carro, isso te dá mais flexibilidade com relação a horários e distâncias. Assim você pode apreciar com calma o “castelo” (que na verdade é uma Abadia) e ver ao longe a estátua de São Miguel 170 metros acima do nível do mar. De transporte público pode ser bem complicado a não ser que você esteja hospedado em Caen ou Saint Malo que contam com serviço diário até Saint Michel.

O Castelo/Abadia

Se você for de carro até Saint Michel é obrigado a utilizar o estacionamento no continente e se quiser pode usar o ônibus gratuito até a ilha. Apesar da distância(2,5 km), o trajeto a pé é muito legal de ser feito. 

Ruelas com suas pequenas lojas

Dividido em parte paga e parte gratuita, a parte paga na realidade é apenas o acesso dentro da Abadia de São Miguel e o ingresso pode ser comprado na bilheteria local, dentro da Igreja ou antecipadamente (o ingresso custa 9 euros). Compre antecipadamente somente se sua chegada lá for perto do meio dia que é quando os ônibus turísticos vindo de Paris também chegam e uma fila pode se formar. A parte gratuita é todo resto até a porta da Abadia.

Ponte levadiça – Não é todo dia que você vê uma dessa

Quando chegar nas muralhas de Saint Michel você terá que atravessar 3 portas: Porta de Avancée, Porta do Boulevard e a Porta do Roy. Aproveite o clima medieval nas pequenas ruelas com inúmeras lojas de souvenirs, restaurantes e alguns hotéis. Prepare seu folêgo que a partir daqui é ladeira acima até o topo do monte, não se preocupe com o caminho pois todos levam para a Abadia.

A Abadia

A Abadia realmente é a maior atração dentro da cidade, são 22 salões, não perca os principais: Igreja Abacial, O Claustro, Cripta dos Grandes Pilares. Fique atento com os horários de maio até agosto das 9:00 às 19:00 e de setembro até abril das 9:30 às 18:00. A entrada é permitida até uma hora antes do fechamento.

Mont Saint-Michel vale cada minuto de investimento, se você for para França tente não ficar limitado a conhecer Paris. A França tem tantos lugares mágicos e Saint Michel é um deles, se você só tem tempo para conhecer um lugar fora da região de Paris, Mont São Michel deve ser a sua escolha.

Mont Saint-Michel

Extras:

  • Se for passar uma noite na região não perca a vista da Ilha toda iluminada e de julho até agosto é possível fazer uma visita guiada às 23:00 de segunda a sábado.
Mont Saint- Michel visto de longe

Um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.